top of page

Educação 5.0

Nos últimos anos a tecnologia revolucionou o mundo em todas as áreas, como vivemos, nos relacionamos, trabalhamos, consumimos e também é claro, como aprendemos.


No ensino, essa revolução tomou uma proporção maior nas últimas décadas dando origem a Educação 5.0, evolução das terminologias 1, 2, 3 e 4.0.


A Educação 1.0 teve início na 1ª revolução industrial. Quando as escolas começaram a se adaptar às necessidades do mercado de trabalho. Que na época tinha como foco desenvolver habilidades técnicas.


Na Educação 2.0, acompanhando a 2ª revolução industrial, o ensino inicia os primeiros passos no trabalho de desenvolvimento de habilidades pessoais, como cooperação, por exemplo. Onde somente o aprendizado técnico já não bastava mais para o novo momento do mercado de trabalho. Dessa forma os alunos eram incentivados a não depender somente do professor como fonte de ensino, mas buscar o conhecimento através de trabalhos em grupo por exemplo.


Na Educação 3.0, como você deve imaginar, também se originou no avanço da 3ª revolução industrial.

Nessa fase, o foco aumenta ainda mais no desenvolvimento de habilidades como um todo. Promovendo a participação do aluno no desenvolvimento do aprendizado, criando espaço para a imaginação e criatividade.


Chegando a um tempo mais recente, em que provavelmente você vivenciou em sala, trazido pela 4ª Revolução Industrial, a Educação 4.0 consistia em Educação Prática por meio da experimentação. Onde o principal papel do professor era questionar e tornar o aluno mais ativo em sala de aula criando experiências.


Resumindo, cada terminologia refletia uma fase da educação que evoluíam de acordo com as revoluções industriais e as necessidades por profissionais mais capacitados e alinhados com as novas oportunidades. E como falamos no início, esse avanço tecnológico está em velocidade máxima. E para acompanharmos, chegamos a mais uma atualização.


A EDUCAÇÃO 5.0 consiste na fusão do ensino tradicional com o tecnológico fazendo uso de forma inteligente e saudável. Então se antes a sua escola repelia o uso de celulares ou tablets em sala de aula, agora ela deve incentivar o uso dessas ferramentas a fim de utilizá-las para o ensino.

O objetivo é utilizar o que para grande parte das crianças e adolescentes antes era somente espaço de lazer com jogos e redes sociais agora, um universo de incríveis possibilidades de aprendizado e a um ou poucos toques.


Para isso, é importantíssimo o trabalho de conscientização sobre o uso correto das telas para que possamos criar um ambiente escolar de crescimento através das fontes inesgotáveis de conhecimento que a internet propicia e não de distração com todas as possibilidades que ela também trás.


E aí, a sua escola já está atualizada ao modelo de Educação atual?


Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page